vitamina D do sol sempre tem aquela tia que diz como é importante tomar um pouco de sol e o quanto isso fornece vitamina para o seu corpo, mas você já pensou que isso realmente pode ser verdade? Ou não?

Sim?

Pois é, mas não é somente a sua tia que fala sobre isso não, no post de hoje, estaremos dedicado a falar da importância de ingerir a vitamina D do sol e tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

Vamos lá?

O que é a vitamina D?

Essa vitamina é um hormônio esteroide solúvel em contato com a gordura do corpo.

A vitamina D é responsável por ajudar o corpo a realizar mais de 85 funções além do controle celular do sistema cardiovascular do corpo.

Onde encontramos a vitamina D?

A principal forma de ingerirmos essa vitamina é através dos raios solares que são transformados em raios ultravioletas com vitamina B e é a responsável por ativar a vitamina D no nosso corpo, ou seja, são justamente essa vitamina que faz a própria vitamina D.

O ideal é que você passe em torno de 20 minutos no sol diariamente para que a vitamina seja produzida.

Além disso, é possível encontrarmos essa vitamina também em alguns alimentos como peixes gordos, ovo (principalmente a gema), queijos, cogumelos, carnes, frutos do mar, fígado e leite.

Outra fonte de vitamina D são os suplementos disponíveis em cápsulas ou gotas.

Porém esse recurso só deve ser consumido em casos onde o organismo sofre com a deficiência dessa vitamina, ou seja, para aquelas pessoas que não podem entrar em contato com o sol, por exemplo, pessoas com Lúpus em alguns estágios, não podem ficar em contato com a luz direta do sol por muito tempo.

As quantidades desses suplementos mudam de acordo com idade e grau da deficiência de cada indivíduo.

Então se for necessário busque por ajuda médica nesses casos.

Qual a importância de ingerirmos a vitamina D do Sol?

Diante da importância da vitamina D, decidimos colocar abaixo os benefícios que o corpo tem quando ela é ingerida:

– A vitamina D ajuda o intestino a absorver cálcio, com isso os ossos e dentes ficam mais fortes e algumas doenças podem ser evitadas como osteoporose e raquitismo;

– Ela também ajuda o sistema imunológico a tratar doenças autoimunes como a esclerose e a artrite;

– Ajuda o coração a se contrair e assim, bombear sangue para o corpo;

– A vitamina D ajuda a regular a pressão arterial;

– Ajuda a retardar o envelhecimento precoce;

– Fortalece e aumenta a produção da massa muscular, evitando quedas e possíveis fraturas;

– Ajuda a controlar a obesidade, diabetes e hipertensão;

– Ajuda na gestação, já que a falta dessa vitamina pode levar a gestante a abortos e problemas na hora do parto;

– A vitamina D também ajuda a evitar alguns tipos de câncer como de reto e mama;

– Além disso a falta de vitamina D pode aumentar os riscos de contrair gripes e resfriados;

– Ajuda a prevenir infecções;

Quais os sintomas da falta de vitamina D no organismo?

Já que a vitamina D realiza diversas funções no nosso corpo, não seria diferente com os sintomas.

Por isso, a falta dessa vitamina pode provocar fragilidade nos ossos e fraturas.

Além disso pode representar um fator de risco para a depressão, cicatrização demorada, queda capilar excessiva, cansaço, dores musculares e perda de força.

É importante mencionar também que gripes frequentes e ataques simultâneos de asma podem indicar que o seu corpo está deficiente da vitamina.

Conclusão

Diante de toda a importância da vitamina D no nosso organismo, fica indiscutível aquele sol da manhã ou final da tarde. Além de buscar alimentos que possam suprir a deficiência dessa vitamina no nosso corpo.

De toda forma, fique atento a possíveis sinais de que algo está errado e busque ajuda.

Assim, você deixa o seu corpo mais saudável e não dá espaço para fraturas ósseas, problemas cardiovasculares, câncer e outros.